................ ................ ................ ................

6 ideias para divulgar seu trabalho na sua cidade


Eu e a Helô criamos o Cupcake Hortelã para ser (inicialmente!) um ateliê online. Decidimos isso por vários motivos, mas principalmente pelo investimento inicial mais baixo do que o de um ateliê real. Então, desde o início passamos o maior tempo possível conectadas, blogando, twittando, conversando com outros crafters, fazendo novas amizades, contatos profissionais, fazendo pesquisa de produtos e atendendo nossos clientes. Realmente é uma delícia e um universo encantador! Temos que nos vigiar para não ficarmos mais tempo na Internet do que no ateliê...

Porém, de um tempo pra cá começamos a sentir a necessidade de agir também no mundo real, principalmente em Poços de Caldas (MG) e Campinas (SP) onde moramos com a intenção de divulgar nosso trabalho e aumentar as vendas, claro! Como em todo início de novos projetos, fizemos um planejamento e quero compartilhar algumas ações e ideias com vocês:

ENVIE UM RELEASE PARA OS JORNAIS DA SUA CIDADE
Se você quer que as pessoas conheçam seu trabalho, você precisa divulgá-lo! Então, vá até uma banca de revista e compre os jornais da sua cidade! Procure o nome e o contato da pessoa responsável por divulgar coisas bacanas que acontecem! É muito importante que você crie uma boa impressão já no primeiro contato... então escreva um texto contando resumidamente sua história (relacionada ao seu trabalho) e o porquê de estar entrando em contato!

FREQUENTE E PARTICIPE DE FEIRAS LOCAIS
Nós sabemos que é bem concorrido e, na maioria das vezes, muito caro conseguir um espaço bacana nas feiras locais. Mas você pode frequentá-las! O objetivo da participação em feiras não é fazer dinheiro, mas sim ter visibilidade... mostrar a sua marca, o seu trabalho, trocar ideias e fortalecer sua rede de contatos... coisas inestimáveis! Então, mesmo que não vá expor seus produtos, leve sempre muitos cartões de visita ou um folder bem bacana sobre o seu trabalho e o seu ateliê...

DÊ AULAS OU PARTICIPE DE OFICINAIS
Se você tem habilidade para ensinar, procure lojas ou ateliês que dão cursos de artesanato/craft e se ofereça para dar aulas sobre o que você sabe e mais gosta de fazer. Nada melhor para se tornar referência na sua cidade do que ensinar outras pessoas! Mas se você não se sente a vontade, frequente um curso de seu interesse como aluna, aprenda novas técnicas, troque experiências e divulgue seu trabalho!

EXPONHA SEUS PRODUTOS NOS ATELIÊS DE OUTROS CRAFTERS
Muitos crafters tem seus espaços físicos, sempre charmosos e aconchegantes! E, normalmente, estão dispostos a mostrar o trabalho de outros artistas... isso traz bons resultados para os dois lados! Você pode entrar em contato com essas pessoas, mostrar o seu trabalho e iniciar uma parceria!

ORGANIZE ENCONTROS
Que tal combinar encontros frequentes com os crafters da sua cidade para trocar ideias, experiências ou simplesmente fortalecer os vínculos? Pode ser um simples café ou um lanche da tarde num lugar bacana da cidade! Assim, a próxima ideia vai ser a mais bacana de ser colocada em prática!

ORGANIZE UM BAZAR
Não é sem propósito que esse é a última ideia, pois ela depende das outras para ser um sucesso! Escolha entre seus contatos aqueles com os quais você tem mais afinidade e organizem juntos um bazar. Pode ser em uma cafeteria bacana da sua cidade, no salão de festas do seu prédio, na garagem de sua casa, na escola do seu filho... use a criatividade que faz parte do dia-a-dia e do seu trabalho para organizar algo bem acolhedor. Divulgue na Internet, mande release para a imprensa local (jornais impressos e blogs), convide amigos...

Você já colocou em prática alguma dessas informações? Qual foi o resultado? Compartilhe sua experiência com a gente... deixe seu comentário!

Esse post foi baseado no texto Five Ways To Become a Local, de Samantha Hirst para o blog Meylah.

Gostou desse post? Então divulgue no Twitter! http://bit.ly/fp4FqX

12 comentários:

Catarine Heiter disse...

A minha única experiência até agora foi a participação em feiras... e acho que preciso incrementar muuuita coisa para me apresentar dentro do que considero perfeito! É uma excelente experiência para quem visualiza uma loja física no futuro. Desde a seleção das peças até a ornamentação da 'banquinha', tudo é um aprendizado que requer planejamento e seriedade. Adotarei as outras estratégias e volto aqui para contar.

assim,sim! disse...

Oi, Catarine! Participar de feiras é muito bacana para divulgar o trabalho, né? Mas tem que pensar em cada detalhe com muito carinho, para que dê um bom retorno!
Obrigada por compartilhar sua experiência com a gente! :)
Beijinhos, Cissa

Mari Fulô atelier disse...

Nem preciso dizer que estou devorando o blog de vcs, né!?rs...Estou adorando isso tudo!!! Já devia estar dormindo mas não consigo parar de ler! Achei a ideia muito boa, e os assuntos muito pertinentes e esclarecedores...parabéns!!!Muito legal mesmo!
Qto a esse post, tem duas coisas que já praticamos por aqui: Feiras locais e bazares.
Devo confessar que o ano passado batemos muito a cabeça, e entramos em muitas furadas até perceber que o que funcionaria para nós eram essas duas coisas que citei e que hj priorizamos aqui no atelier. E fiquei muito feliz ao ler isso! Sinal de que estamos no caminho...
Adorei a ideia de ter contato com os crafters da região, e pensei que não tenho contato com ninguém da minha cidade que desenvolva esse trabalho, vou tentar viabilizar. Ah, o do jornal também já fizemos, e é bem interessante até para termos como portfólio depois!
Bom, é isso!!! Adorei! E com certeza colocarei em prática!!

Beijinhos!

Marina

Loma Sernaiotto disse...

preciso seguir os 6 passos! mas acredito que antes tenho que conseguir um público maior na web. Talvez eu fique mais confiante de divulgar meu trabalho no espaço físico depois de muita experiência na área virtual. =) obrigada pelas dicas!

Little Bird ATelie disse...

Adorei as dicas!!!
Estou começando a divulgar meu trabalho agora, vai ser bem útil!
Depois se quiserem conhecer mais sobre o que eu faço acessem: www.littlebirdatelie.blogspot.com
bjus

Anônimo disse...

Amei as dicas, são verdadeiramente muito boas.
Bom já participei de feiras na minha cidade e também já fiz encontros com outras arteiras, mas os encontros eram muito legais até entrar em jogo os interesses financeiros, ai o grupo desandou. Mas não desisti, acho muito válido o encontro com outros crafetrs, porém a escolha de quem se relacionar entre colegas é primordial, pois alguns acabam não valendo a pena!!
Infelizmente, né, pois na minha opnião o Sol brilha para todos e é tão gratificante trocar idéias, porque vivemos em um cosntante aprendizado, e ao passarmos conhecimento, estamos também aprendendo.
Amo, amo, amo o que faço e tenho amigas maravilhosas e companheiras de artes.
Bom meus trabalhinho estão aqui ò , rsrsrsr:
www.flickr/photos/ateliefabiasantos
Um beijão a todas..

Faby Carvalho disse...

Oi, eu trabalho com artesanato há uns 7 anos. O começo sempre é difícil e eu tinha vergonha de vender. Coloquei algumas peças em lojas da cidade votadas para presentes, mas depois de um tempo eles desvalorizam muito teu trabalho pedindo descontos para poderem revender.Já participei de feira como artesã profissional, fiz bazar, um convidando outros amigos a exporem tbm e um só meu. O bazar é legal pq nele a gente vê quem gosta mesmo do teu trabalho e não quer somente agradar vc. Tbm já dei aulas em uma oja especializada e algumas particulares. Tudo é experiência. Não existe a receita certa, mas o principal para manter seu cliente é a diferença e qualidade do teu produto. Bjs

Regina Silva disse...

Gostei muito

Mas precisamos de coisas mais consistentes, para não só satisfazer o desejo pessoal , mas principalmente o financeiro . Porque, para continuarmos o nosso trabalho precisamos de muitos recursos, até mesmo para aprimora-los. Infelismente vivemos em um mundo capitalista. E para desevolvermos nosso pontecial , torno a repetir . Precisamos de dinheiro, antes mesmo de comerçarmos qualquer empreendimento.
É o que grandes empreendedores dizem nas entrelinhas.

Abraços

Anônimo disse...

Oi, conneci o blog de vocês faz pouco tempo, acho que vou demorar um ano para ler tudo, por que todos os seu post são atuais, e já comecei a divulgar meus trabalhos fazendo feiras na minha cidade e em novembro/2011 eu e três amigas vamos fazer um bazar. Acredito que não devemos pensar somente no financeiro em primeiro lugar, pois comecei assim e deu tudo errado, devemos primeiro nos aprimorar, estudar, promover nosso trabalho e fazer amizades.
Bjs. Mada
http://biscuitdamada.blogspot.com

Artesanato by maria teimosa disse...

Obrigada pelas dicas!
Bjinhos,
Maria teimosa by
Conceição Torres

Lilian Marson disse...

Boas dikas,e esse blog é show,gostei..Lili.

Anônimo disse...

Adorei.
Vou já tratar disso. :)

Postar um comentário